Campanha presidencial de Vera Lúcia em 2018 - Wikiwand
For faster navigation, this Iframe is preloading the Wikiwand page for Campanha presidencial de Vera Lúcia em 2018.

Campanha presidencial de Vera Lúcia em 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A campanha presidencial de Vera Lúcia em 2018  foi oficializada em 20 de julho de 2018, tendo como vice na chapa, o professor Hertz Dias. A chapa formada era puro-sangue[nota 1] e concorreu pelo PSTU.[1]

Plano de governo

Em seu programa de governo, defendia a estatização de universidades, de hospitais privados[2][3] e de bancos.[4] Em relação à economia, a candidata afirmou que se eleita, não iria pagar a dívida pública do Brasil e desautorizaria remessas de lucro das empresas multinacionais. Segundo a candidata, a estratégia garantiria condições financeiras para criar um "plano nacional de obras públicas" para gerar emprego.[5]

Colocou-se a favor do Bolsa Família, mas o considerava uma "pequena concessão" aos trabalhadores. Defendia a adoção de um salário mínimo igual ao estabelecido pelo Dieese como mínimo ideal para uma família de quatro pessoas, então estimado em 3.800 reais por mês.[6]

Se eleita, afirmou que no dia 2 de janeiro, todas as medidas de Michel Temer aprovadas pelo Congresso Nacional seriam revogadas[7] e as empreiteiras envolvidas na Lava Jato seriam estatizadas.[8]

Em entrevista à Folha de S.Paulo em abril de 2018 , defendeu uma revolução operária e afirmou que o modelo mais próximo do ideal seria o dos cinco primeiros anos após a revolução Russa de 1917.[9]

Sobre a reforma da previdência, a candidata afirmou que não iria "permitir nenhuma reforma da Previdência" e prometeu chamar os trabalhadores a "lutar e a resistir contra qualquer ataque à nossa aposentadoria, venha de que governo vier".[10]

Defendeu a revogação da regra do teto de gastos e da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Candidatos

Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado
Vera Lúcia Hertz Dias
para presidente para vice-presidente
[11]

Resultado da eleição

Eleições presidenciais

Ano de eleição Candidato Primeiro turno Segundo turno
# do total de votos % do total de votos # do total de votos % do total de votos
2018 Vera Lúcia 55.762 0,05% Não concorreu

Ver também

Notas

  1. Chapa puro-sangue é aquela formada por integrantes de um mesmo partido.

Referências

  1. «PSTU oficializa Vera Lúcia para disputa da Presidência da República». G1. 20 de julho de 2018. Consultado em 20 de setembro de 2018 
  2. «Vera Lúcia defende estatização de universidades e hospitais privados». Agencia Brasil. EBC. 12 de setembro de 2018. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  3. Paulo Amaral. «Vera Lúcia quer estatizar 100 empresas e estender seguro-desemprego para 2 anos». HuffPost Brasil. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  4. «Vera Lúcia defende a nacionalização dos bancos e o não pagamento da dívida pública». G1. Globo.com. Consultado em 16 de setembro de 2018 
  5. Luiza Garonce. «Vera Lúcia faz campanha no DF e diz que não vai pagar dívida pública do país». G1. Globo.com. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  6. «Eleições 2018: o que pensa Vera Lúcia, candidata do PSTU». VEJA. 11 de setembro de 2018. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  7. «Vera Lúcia defende revogar mandatos e diz que se eleita população dirá o que Congresso vai fazer: 'Ou ele faz ou ele faz'». G1. Globo.com. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  8. André Shalders (22 de maio de 2018). «'Lula está colhendo o que plantou', diz presidenciável do PSTU sobre prisão de petista». BBC. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  9. «Vera Lúcia, pré-candidata pelo PSTU, quer despropriar 100 empresas». Folha de S.Paulo. Uol 
  10. Paulo Amaral. «As propostas de Vera Lúcia para a reforma da Previdência». huffpostbrasil.com. Consultado em 15 de setembro de 2018 
  11. «Vera Lúcia registra candidatura à Presidência da República». Gazeta Online. 7 de agosto de 2018 
{{bottomLinkPreText}} {{bottomLinkText}}
Campanha presidencial de Vera Lúcia em 2018
Listen to this article