Elza Soares, nome artístico de Elza Gomes da Conceição (Rio de Janeiro, 23 de junho de 1930[nota 1] – Rio de Janeiro, 20 de janeiro de 2022),[2][3] foi uma cantora, compositora musical e puxadora de samba-enredo brasileira,[4] que flertou com vários gêneros musicais como samba, jazz, samba-jazz, sambalanço, bossa nova, mpb, soul, rock e música eletrônica.

Quick facts: Elza Soares, Carreira musical, Assinatura...
Elza Soares
Elza Soares
Elza Soares durante um ensaio fotográfico em 2018
Nome completo Elza Gomes da Conceição
Pseudônimo(s) Elzinha
Nascimento 23 de junho de 1930[nota 1]
Rio de Janeiro, DF, Brasil
Morte 20 de janeiro de 2022 (91 anos)
Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Nacionalidade brasileira
Cônjuge Garrincha (c. 1966; div. 1982)
Ocupação
Prêmios Lista
Carreira musical
Período musical 1950–2022
Gênero(s)
Extensão vocal voz absoluta
Instrumento(s) vocal
Gravadora(s)
Assinatura
Close

Ao longo de pouco mais de 60 anos de carreira, ela teve inúmeras músicas no topo das listas de sucesso no Brasil; alguns dos maiores sucessos incluem: "Se Acaso Você Chegasse" (1960), "Boato" (1961), "Cadeira Vazia" (1961), "Só Danço Samba" (1963), "Mulata Assanhada" (1965) e "Aquarela Brasileira" (1974).

Em 1999, foi eleita pela Rádio BBC de Londres como a cantora brasileira do milênio. A escolha teve origem no projeto The Millennium Concerts, da rádio inglesa, criado para comemorar a chegada do ano 2000.[5] Além disso, Soares aparece na 16ª posição da lista das 100 maiores vozes da música brasileira elaborada pela revista Rolling Stone Brasil.[6]