Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach - Wikiwand
For faster navigation, this Iframe is preloading the Wikiwand page for Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach.

Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach

Frederico Fernando Constantino
Príncipe de Saxe-Weimar-Eisenach
Frederico Fernando Constantino por Johann Georg Zisenis
Casa Wettin
Nascimento 8 de setembro de 1758
  Weimar, Ducado de Saxe-Weimar-Eisenach
Morte 6 de setembro de 1793 (34 anos)
  Wiebelskirchen, agora pertencente a Neunkirchen
Pai Ernesto Augusto II, Duque de Saxe-Weimar-Eisenach
Mãe Ana Amália de Brunsvique-Volfembutel

O príncipe Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach (8 de Setembro de 17586 de Setembro de 1793) foi um duque titular de Saxe-Weimar-Eisenach e Major-general no exército do Eleitorado da Saxónia. Viveu durante a era do Iluminismo.

Vida

O príncipe Frederico Fernando Constantino era o filho mais novo de Ernesto Augusto II, Duque de Saxe-Weimar-Eisenach (1737-1758) e da sua esposa, a princesa Ana Amália (1739-1807), filha de Carlos I, Duque de Brunsvique-Volfembutel. Nasceu três meses depois da morte do pai, enquanto a sua mãe e o seu avô desempenhavam o papel de regentes do ducado em nome do seu irmão mais velho, Carlos Augusto.

Frederico e o irmão foram educados pelo Hofmeister, Johann Eustach von Görtz e, mais tarde, por Christoph Martin Wieland. Depois de o seu irmão atingir a maioridade, Frederico continuou a estudar sob a orientação de Karl Ludwig von Knebel. Görtz e Knebel acompanharam Frederico durante a sua Grand Tour a Paris. Em Frankfurt, conheceram Johann Wolfgang von Goethe.

Depois de regressar a Weimar em 1775, Frederico mudou-se para a Casa Tiefurt. Era uma pessoa muito introvertida e, nesta altura, já se tinha começado a afastar do irmão. Mais tarde, não conseguiu estabelecer qualquer relação com a sua cunhada nem com Goethe. Virou-se para a música e apaixonou-se por Caroline von Ilten. No entanto, os seus familiares e Goethe eram da opinião de que, por pertencer à baixa nobreza, a jovem não tinha estatuto suficiente para se casar com o príncipe e ele teve de terminar a relação. Goethe escreveu a Charlotte von Stein: ... Estou a ser culpado pelas lágrimas de Caroline e sou culpado. Ana Amália, a mãe de Frederico, afirmou que só "príncipes pedintes" é que se apaixonavam por senhoras abaixo da sua posição. Frederico decidiu ir viajar. O seu irmão Carlos Augusto escreveu a Knebel que tinha recebido uma carta dele de Londres que ... não tinha qualquer conteúdo, à excepção de me desejar um bom aniversário.

Graças à intervenção do seu irmão, Frederico juntou-se ao exército do Eleitorado da Saxónia. Foi promovido a tenente-general e comandava um regimento em Naumburg. Durante a Guerra da Primeira Coligação, ocupou a posição de major-general. O seu exército marchou pelo Reno com um exército prussiano. Durante esta campanha, o príncipe sofreu de disenteria quando o seu regimento acampou perto de Pirmasens e acabaria por morrer quando chegaram a Wiebelskirchen (que, actualmente, pertence a Neunkirchen). Foi enterrado na Igreja de São Jorge em Eisenach.

Morreu solteiro.

Genealogia

Os antepassados de Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach em três gerações
Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach Pai:
Ernesto Augusto II, Duque de Saxe-Weimar-Eisenach
Avô paterno:
Ernesto Augusto I, Duque de Saxe-Weimar-Eisenach
Bisavô paterno:
João Ernesto III, Duque de Saxe-Weimar
Bisavó paterna:
Sofia Augusta de Anhalt-Zerbst
Avó paterna:
Sofia Carlota de Brandemburgo-Bayreuth
Bisavô paterno:
Jorge Frederico Carlos, Marquês de Brandemburgo-Bayreuth
Bisavó paterna:
Doroteia de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Beck
Mãe:
Ana Amália de Brunsvique-Volfembutel
Avô materno:
Carlos I, Duque de Brunsvique-Volfembutel
Bisavô materno:
Fernando Alberto II, Duque de Brunswick-Wolfenbüttel
Bisavó materna:
Antónia Amália de Brunsvique-Volfembutel
Avó materna:
Filipina Carlota da Prússia
Bisavô materno:
Frederico Guilherme I da Prússia
Bisavó materna:
Sofia Doroteia de Hanôver

Referências

  • Heinrich Düntzer: Aus Goethe's Freundeskreise: Darstellungen aus dem Leben des Dichters, Brunswick, 1868, p. 467 ff (Online)
  • Konrad Kratzsch: Klatschnest Weimar, Würzburg, 2002, p. 47 ff (Online)
  • Henrich Düntzer in: Westermanns Monatshefte, vol. 5, Brunswick 1859, p. 23 ff (Online)
  • Carl August Hugo Burkhardt (1876), "Constantin Friedrich Ferdinand", Allgemeine Deutsche Biographie (ADB) (in German) 4, Leipzig: Duncker & Humblot, pp. 451–452 

Ligações externas

{{bottomLinkPreText}} {{bottomLinkText}}
Frederico Fernando Constantino de Saxe-Weimar-Eisenach
Listen to this article