Oscar de melhor direção (português brasileiro) ou Óscar de melhor realizador (português europeu) (no original em inglês Academy Award for Best Directing), é uma categoria de premiação do Óscar referente a escolha de melhor direção de uma produção cinematográfica;[1] é um prêmio anual que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos oferece em honra a um diretor que realizou um extraordinário trabalho com a equipe de produção enquanto trabalhava na indústria do cinema, no ano anterior ao da realização da cerimônia.

Quick facts: Oscar de Melhor Direção...
Oscar de Melhor Direção
Oscar de melhor direção
Vencedor mais recente: Jane Campion (2022)
País  Estados Unidos
Primeira cerimónia 1929
Detentor atual Jane Campion
The Power of the Dog (2022)
Apresentação Academia de Artes e Ciências Cinematográficas
Sítio oficial
Close

A cada ano a Academia seleciona o melhor diretor de uma lista de cinco indicados. O prêmio, que vem sendo entregue desde 1929, dá direito ao vencedor de receber a cobiçada estatueta e de fazer um breve discurso. De todos os 80 homenageados com o prêmio até 2008, apenas 21 não ganharam também o Oscar de melhor filme.

Em 1933 não houve entrega dos prêmios Oscar, que foram entregues duas vezes em 1930 (em abril, referente aos filmes produzidos entre 2 de agosto de 1928 e 31 de julho de 1929, e em novembro, referente aos filmes produzidos entre 1º de agosto de 1929 e 31 de julho de 1930); em 1931 (em novembro, referente aos filmes produzidos entre 1.º de agosto de 1930 e 31 de julho de 1931); em 1932 (em novembro, referente aos filmes produzidos entre 1.º de agosto de 1931 e 31 de julho de 1932); e em 1934 (em março, referente aos filmes produzidos entre 1.º de agosto de 1932 e 31 de dezembro de 1933).

John Ford é o maior vencedor da categoria com 4 vitórias, seguido de Frank Capra e William Wyler com 3 vitórias cada.

Clint Eastwood é o mais velho a vencer a categoria, com 74 anos por Million Dollar Baby (2005), e Damien Chazelle é o mais novo, com 32 anos por La La Land (2017).

Apenas 3 diretores conseguiram o feito de vencer duas vezes seguidas o prêmio: John Ford (1941-1942), Joseph L. Mankiewicz (1950-1951) e Alejandro Gonzalez Iñárritu (2015-2016).

Até 2022, apenas três mulheres venceram o Oscar de Melhor Direção: Kathryn Bigelow em 2010, por The Hurt Locker, Chloé Zhao em 2021, por Nomadland [2] e Jane Campion em 2022, por The Power of the Dog.[3]

Oops something went wrong: