São Petersburgo (russo: Санкт-Петербу́рг, tr. Sankt-Peterburg) é a segunda maior cidade da Rússia, politicamente incorporada como uma cidade autônoma (ou cidade federal). Ela está localizada ao longo do rio Neva, na entrada do Golfo da Finlândia, no Mar Báltico. Em 1914, o nome da cidade foi mudado para Petrogrado (russo: Петроград) e, em 1924, para Leningrado (russo: Ленинград). Em 1991, após o colapso da União Soviética, a cidade volta ter seu nome original. É frequentemente chamada apenas de Petersburgo e informalmente conhecida como Peter.

Quick facts: São PetersburgoСанкт-Петербург (russo)&n...
São Petersburgo

Санкт-Петербург (russo)

 
  Cidade Federal  
Do topo, em sentido horário: Fortaleza de São Pedro e São Paulo; Almirantado de São Petersburgo; O Cavaleiro de Bronze na Praça do Senado; Palácio de Inverno; rio Fontanka e Catedral de Santo Isaac.
Do topo, em sentido horário: Fortaleza de São Pedro e São Paulo; Almirantado de São Petersburgo; O Cavaleiro de Bronze na Praça do Senado; Palácio de Inverno; rio Fontanka e Catedral de Santo Isaac.
Símbolos

Bandeira

Brasão de armas
Hino Hino de São Petersburgo
Lema
Бессмертен, как Россия
(do russo: Imortal, como a Rússia)[1]
Apelido(s) Peter, Petrogrado, A Cidade Boreal, Leningrado, Capital do Norte, Neva, SPb.
Gentílico Petersburguês(a)
Localização

São Petersburgo
Localização de São Petersburgo na Rússia
Mapa de São Petersburgo
Coordenadas 59° 56' 15" N 30° 18' 31" E
País  Rússia
Distrito federal Noroeste
Região econômica Noroeste
História
Estabelecido em 27 de maio de 1703
Administração
Governador Alexander Beglov
Legislatura Assembleia Legislativa
Características geográficas
 • Área total 1 439 km²
 • População total 5 323 300 hab.
Informações
Fuso horário UTC+3
Código postal 190000-190999
Prefixo telefónico +7 812
Outras informações
Língua oficial Russo
IDH (2010) 0,887 (2.º) – muito alto[2]
Código ISO 3166-2 RU-SPE
Sítio gov.spb.ru
Close

São Petersburgo foi fundada pelo czar Pedro, o Grande em 27 de maio de 1703.[3] Entre 1713-1728 e 1732-1918, foi a capital do Império Russo. Em 1918, as instituições da administração central mudaram-se de São Petersburgo (então denominada Petrogrado) para Moscou.[4] Com 5 milhões de habitantes (2012) é a quarta subdivisão federal mais populosa do país. A cidade é um grande centro cultural europeu e também um importante porto russo no Báltico.

É frequentemente descrita como a metrópole mais ocidentalizada da Rússia, bem como a capital cultural do país.[5] É a cidade mais setentrional do mundo com população acima de 1 milhão de habitantes.[6] Seu centro histórico e monumentos constituem um Patrimônio Mundial pela UNESCO. São Petersburgo também é o lar do Hermitage, um dos maiores museus de arte do mundo.[7] Um grande número de consulados estrangeiros, corporações internacionais, bancos e outras empresas estão sediados na cidade.

Oops something went wrong: