Soyuz TMA-17 - Wikiwand
For faster navigation, this Iframe is preloading the Wikiwand page for Soyuz TMA-17.

Soyuz TMA-17

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Soyuz TMA-17
Informações da missão
Sinal de chamada Осака ("Osaka")
Número de tripulantes 3
Lançamento 20 de dezembro de 2009 21:52 UTC
Cosmódromo de Baikonur
Aterrissagem 2 de junho de 2010 03:25 UTC
Casaquistão
Imagem da tripulação

Esq. p/ dir: Creamer, Kotov e Noguchi
Navegação
Soyuz TMA-16
Soyuz TMA-18

Soyuz TMA-17 foi uma missão da nave Soyuz à Estação Espacial Internacional e a 104ª missão tripulada do programa Soyuz. O lançamento ocorreu em 20 de dezembro de 2009 do Cosmódromo de Baikonur e a acoplagem com à EEI em 22 de dezembro de 2009.[1][2][3]

Tripulação

[1][2][3]

Parâmetros da Missão

[1][2][3]

Missão

A espaçonave levou os três últimos integrantes da Expedição 22 à EEI, o cosmonauta Oleg Kotov e os astronautas, Timothy Creamer e Soichi Noguchi do Japão. A Soyuz TMA-17 ficou acoplada à Estação Espacial durante toda a duração da Expedição 22 e da Expedição 23 servindo como veículo de escape de emergência e retornou à Terra com a tripulação da expedição em 2 de junho de 2010.[1][2][3]

Notas da missão

[1][2][3]

  • Este foi o primeiro lançamento de uma nave Soyuz no mês de dezembro em dezenove anos. A última lançada no último mês do ano foi a Soyuz TM-11 em 1990.
  • O astronauta Soichi Noguchi foi o primeiro da agência espacial japonesa JAXA a ir ao espaço a bordo de uma Soyuz e o segundo japonês, depois do telejornalista Toyohiro Akiyama, em 1990.
  • Em 12 de maio, a nave foi realocada na ISS, sendo desacoplada do módulo Zarya e acoplada no módulo Zvezda.[4]

Retorno

Antes da desacoplagem da Soyuz, a altitude orbital da ISS foi abaixada em 1,5 km, para 345 km de altura, de maneira a assegurar condições perfeitas para a reentrada da TMA-17 na atmosfera terrestre. A órbita da ISS foi ajustada usando-se os quatro motores a bordo da nave não-tripulada Progress, acoplada à estrutura. A Soyuz TMA-17 pousou com sua tripulação em segurança às 03:25 UTC de 2 junho nas planícies do Casaquistão, encerrando a missão e a Expedição 22.[1][2][3]

Galeria

Ver também

Referências

  1. a b c d e f Mark Wade. «Soyuz TMA-17». Encyclopedia Astronautica. Consultado em 24 de julho de 2019 
  2. a b c d e f Joachim Becker e Heinz Janssen (20 de abril de 2018). «Soyuz TMA-17». SPACEFACTS. Consultado em 24 de julho de 2019 
  3. a b c d e f Anatoly Zak (5 de maio de 2012). «Soyuz TMA-17». RussianSpaceWeb. Consultado em 24 de julho de 2019 
  4. NASA (12 de maio de 2010). «ISS On-Orbit Status 05/12/10». Consultado em 12 de maio de 2010 
{{bottomLinkPreText}} {{bottomLinkText}}
Soyuz TMA-17
Listen to this article