The Conqueror - Wikiwand
For faster navigation, this Iframe is preloading the Wikiwand page for The Conqueror.

The Conqueror

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

The Conqueror
O Conquistador[1] (PRT)
Sangue de Bárbaros[2] (BRA)
 Estados Unidos
1956 •  cor •  111 min 
Direção Dick Powell
Produção Dick Powell
Howard Hughes
Roteiro Oscar Millard
Elenco John Wayne
Susan Hayward
Pedro Armendáriz
Género drama
Música Victor Young
Idioma língua inglesa
Página no IMDb (em inglês)

The Conqueror (bra: Sangue de Bárbaros; prt: O Conquistador) é um filme épico estadunidense de 1956 dirigido pelo ator e cineasta Dick Powell. Rodado em CinemaScope, foi produzido por Howard Hughes e traz John Wayne no papel do conquistador mongol Gengis Khan. As gravações ocorreram em uma locação próxima a St. George (Utah), Estados Unidos.

Apesar da excelência de seu elenco, o filme foi um fracasso de crítica e público, sendo considerado um dos piores da década de 1950 e um dos piores de todos os tempos.[3] Wayne, no auge de sua carreira, havia insistido em participar após ler uma cópia do roteiro, e mais tarde acabou sendo considerado totalmente inadequado para o papel.[4]

Acredita-se que Howard Hughes tenha se sentido culpado acerca de suas decisões quanto à produção do filme, mantendo-o arquivado até 1974, ano em que foi exibido pela primeira vez na televisão.[5] The Conqueror, juntamente com Ice Station Zebra, seria um dos filmes que o diretor assistia ininterruptamente durante seus últimos anos de vida.[6][7]

Sinopse

O líder mongol Temujin (futuramente conhecido como Genghis Khan) apaixona-se pela princesa tártara Bortai, sequestrando-a e provocando uma guerra. Bortai rejeita Temujin, e é resgatada durante um ataque. Temujin é posteriormente capturado e Bortai acaba apaixonando-se por ele, ajudando-o a escapar. Ele suspeita ter sido traído por um companheiro mongol, e parte para tentar identificar o traidor e vencer os tártaros.

Suposta contaminação radioativa do elenco

As cenas exteriores foram filmadas em 1954 em uma locação próxima a St. George, Utah, a cerca de 220 km a favor do vento da Área de Testes de Nevada. Em 1953, como parte da Operação Upshot-Knothole, extensivos testes nucleares de superfície haviam sido realizados no local. O elenco e equipe enfrentaram dificuldades na locação e, para finalizar as filmagens, Hughes mandou que 60 toneladas de terra fossem retiradas dali e enviadas à Hollywood para manter verossimilhança com as cenas já gravadas. Os realizadores do filme sabiam dos testes nucleares, mas o governo federal havia assegurado aos moradores locais que os testes não representavam riscos à saúde pública.[5][8][9]

A incidência de casos de câncer entre a população de St. George, no entanto, alcançou altos índices entre as décadas de 1950 e 1970. O diretor Dick Powell morreu vítima da doença em janeiro de 1963, poucos anos depois da finalização da película. O ator Pedro Armendáriz foi diagnosticado com câncer nos rins em 1960, cometendo suicídio em 1963 ao saber que a doença era terminal. Susan Hayward, John Wayne e Agnes Moorehead haviam morrido de câncer entre meados e final da década de 1970. Outro integrante do elenco, John Hoyt, morreu de câncer de pulmão em 1991. Céticos apontam isso como consequência de outros fatores, como o uso excessivo de tabaco por exemplo, e a noção de que câncer resultante da exposição à radiação não apresenta um período de incubação tão longo. Elenco e equipe totalizavam 220 pessoas. Em 1981, 91 delas haviam desenvolvido alguma forma de câncer, e 46 morrido em decorrência da doença.[8]

O doutor Robert Pendleton, professor de biologia da Universidade de Utah, afirmou que "com esses números, o caso poderia ser qualificado como epidêmico. A conexão entre radiação atmosférica e câncer em casos individuais é praticamente impossível de se provar conclusivamente. Mas em um grupo desta proporção, espera-se que surjam apenas 30 ocorrências... acredito que a ligação à exposição no set de filmagem de The Conqueror seria suficiente para levar o caso aos tribunais".[8][10]

Elenco

A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. O Conquistador no SapoMag (Portugal)
  2. Sangue de Bárbaros (em português) no AdoroCinema
  3. Francaviglia, Richard V.; Rosenstone, Robert A. (2007). Lights, Camera, History: Portraying the Past in Film. Texas A&M University Press. pág. 55. ISBN 1-585-44580-0.
  4. Monush, Barry (2003). Screen World Presents the Encyclopedia of Hollywood Film Actors: From the Silent Era to 1965. Hal Leonard Corporation. pág. 773. ISBN 1-557-83551-9.
  5. a b "Did John Wayne die of cancer caused by a radioactive movie set?" - The Straight Dope
  6. Brown, Peter Harry; Broeske, Pat H. (2004). Howard Hughes: The Untold Story. Da Capo Press. pág. 349. ISBN 0-306-81392-0.
  7. Porter, Darwin (2005). Howard Hughes: Hell's Angel. Blood Moon Productions, Ltd.. pág. 442. ISBN 0-974-81181-5.
  8. a b c "The Children of John Wayne, Susan Hayward and Dick Powell Fear That Fallout Killed Their Parents" - People
  9. D'Arc, James V. When Hollywood Came to Town: The History of Moviemaking in Utah, pág. 95. . Gibbs Smith. ISBN 9781423605874 (2010)
  10. Olson, James (2002). Bathsheba's Breast: Women, Cancer and History. Baltimore, Maryland: Johns Hopkins University Press. ISBN 0801869366
Este artigo sobre um filme estadunidense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.vde
{{bottomLinkPreText}} {{bottomLinkText}}
The Conqueror
Listen to this article