Lota (pesca) - Wikiwand
For faster navigation, this Iframe is preloading the Wikiwand page for Lota (pesca).

Lota (pesca)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Leilão de peixe na lota do porto de Garrucha (Almería, Espanha).
Leilão de peixe na lota do porto de Garrucha (Almería, Espanha).

Designa-se por lota o espaço num porto onde a primeira venda do peixe recém-capturado é efetuada, muitas vezes em regime de leilão.

Lotas em Portugal

Definição legal em Portugal

O Decreto-Lei n.º 81/2005, de 10 de Abril, define lota como:

«a infra-estrutura em terra implantada na área de um porto de pesca ou em zona ribeirinha na sua influência, devidamente aprovada e licenciada para a realização das operações de recepção, leilão e entrega de pescado e outras operações que lhe são inerentes ou complementares, compreendendo a descarga, manipulação, conservação ou armazenagem;»[1]

Procedimentos de venda

O pescado, depois de verificado se cumpre os critérios de venda (tamanho, salubridade, etc.) é divido por lotes, que são colocados à venda num leilão. Ao contrário do habitual em outros leilões, neste caso o leiloeiro começa por dar o preço máximo, e os compradores vão dando os seus lances, por montantes inferiores.

Controlo do processo de venda

Este processo é controlado em exclusivo (no continente) pela Docapesca, e nos Açores e Madeira pelas autoridades portuárias locais.

Notas

  1. Alínea a) do artigo 2.º do Decreto-Lei n.º 81/2005, de 10 de Abril.
Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.
{{bottomLinkPreText}} {{bottomLinkText}}
Lota (pesca)
Listen to this article