Max Born

físico alemão / De Wikipedia, a enciclopédia livre

Max Born (Breslávia, 11 de dezembro de 1882Göttingen, 5 de janeiro de 1970) foi um físico e matemático alemão, que foi fundamental para o desenvolvimento da mecânica quântica. Também fez contribuições à física do estado sólido e óptica e supervisionou o trabalho de vários físicos notáveis ​​nas décadas de 1920 e 1930. Ganhou em 1954 o Prêmio Nobel de Física por sua "investigação fundamental na Mecânica Quântica, especialmente na interpretação estatística da função de ondas".[1][2][3][4]

Quick facts: Max Born , Assinatura...
Max Born Medalha Nobel
Max_Born.jpg
Max Born
Ciclo de Born-Haber, Regra de Born, Equação de Born-Landé
Nascimento 11 de dezembro de 1882
Breslávia, Baixa Silésia, Império Alemão
Morte 5 de janeiro de 1970 (87 anos)
Göttingen, Baixa Saxônia
Residência Gotinga, Edimburgo, Breslávia, Cambridge, Bad Pyrmont
Sepultamento Cemitério Municipal de Göttingen
Nacionalidade alemão
Cidadania Reich Alemão, Reino Unido, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
Etnia judeus
Progenitores
Cônjuge Hedwig Born
Filho(a)(s) Gustav Victor Rudolf Born, Irene Helen Käthe Born
Alma mater Universidade de Göttingen
Ocupação físico, matemático, académico, professor universitário, escritor de não ficção, físico teórico, cientista
Prêmios Medalha Max Planck (1948), Medalha Hughes (1950), Guthrie Lecture (1953), Nobel_prize_medal.svg Nobel de Física (1954)
Empregador(a) Universidade de Frankfurt, Universidade de Göttingen, Universidade Humboldt de Berlim, Universidade de Edimburgo, Universidade de Göttingen
Orientador(a)(es/s) Carl Runge
Orientado(a)(s)
Campo(s) física
Obras destacadas amplitude de probabilidade, Aproximação de Born-Oppenheimer
Religião Judaísmo, luteranismo
Assinatura
Max_Born_signature.svg
Close

Entrou na Universidade de Göttingen, em 1904, onde conheceu três matemáticos de renome, Felix Klein, David Hilbert e Hermann Minkowski. Escreveu sua tese sobre o tema "Estabilidade de Elástico em um Plano e Espaço", vencedor do Prêmio da Faculdade de Filosofia da Universidade. Em 1905, ele começou a pesquisar a relatividade especial com Minkowski, e, posteriormente, escreveu sua tese de habilitação sobre o modelo atômico de Thomson. Um encontro ao acaso com Fritz Haber em Berlim, em 1918, levou à discussão da maneira pela qual um composto iônico é formado quando um metal reage com um átomo de halogênio, o qual é atualmente conhecido como ciclo de Born-Haber.

Em 1921, Born voltou para Göttingen, arranjando outra cadeira para o seu amigo e colega de longa data James Franck. Nos termos de Born, Göttingen tornou-se um dos centros mais importantes do mundo para a física. Em 1925, Born e Werner Heisenberg formularam a representação da mecânica matricial da mecânica quântica. No ano seguinte, ele formulou a interpretação hoje padrão da função de densidade de probabilidade para ψ*ψ na equação de Schrödinger, pela qual ele foi agraciado com o Prêmio Nobel em 1954. Sua influência se estendeu muito além de sua própria pesquisa. Max Delbrück, Siegfried Flügge, Friedrich Hund, Pascual Jordan, Maria Goeppert-Mayer, Lothar Wolfgang Nordheim, Robert Oppenheimer e Victor Weisskopf, todos receberam seu doutorado sob a orientação de Born em Göttingen, e seus assistentes incluíam Enrico Fermi, Werner Heisenberg, Gerhard Herzberg, Friedrich Hund, Pascual Jordan, Wolfgang Pauli, Léon Rosenfeld, Edward Teller e Eugene Wigner.

Em janeiro de 1933, o Partido Nazista chegou ao poder na Alemanha, e Born, que era judeu, foi suspenso. Ele emigrou para a Grã-Bretanha, onde trabalhou no Colégio de de St John, Cambridge, e escreveu um popular livro de ciência, The Restless Universe, assim como Atomic Physics, que logo se tornou um livro de texto padrão. Em outubro de 1936, ele se tornou o Professor Tait de Filosofia Natural na Universidade de Edimburgo, onde, trabalhando com os assistentes de origem alemã E. Walter Kellermann e Klaus Fuchs, continuou a sua investigação sobre a física. Max Born tornou-se um cidadão britânico naturalizado em 31 de agosto de 1939, um dia antes da Segunda Guerra Mundial eclodir na Europa. Permaneceu em Edimburgo até 1952. Aposentou-se em Bad Pyrmont, na Alemanha Ocidental. Morreu no hospital em Göttingen, em 5 de janeiro de 1970.

Oops something went wrong: