cover image

Sistema Internacional de Unidades[1] (sigla SI, do francês Système International d'unités)[2] é a forma moderna do sistema métrico e é geralmente um sistema de unidades de medida concebido em torno de sete unidades básicas e da conveniência do número dez. É o sistema de medição mais usado do mundo, tanto no comércio todos os dias e na ciência.[3][4] O SI é um conjunto sistematizado e padronizado de definições para unidades de medida, utilizado em quase todo o mundo moderno, que visa a uniformizar e facilitar as medições e as relações internacionais daí decorrentes.[5]

Unidades básicas do SI redefinidas a partir de 7 constantes fundamentais
SímboloNomeQuantidade
Aamperecorrente elétrica
Kkelvintemperatura
ssegundotempo
mmetrodistância
kgquilogramamassa
cdcandelaintensidade luminosa
molmolequantidade de substância

O antigo sistema métrico incluía vários grupos de unidades. O SI foi desenvolvido em 1960 do antigo sistema metro-quilograma-segundo, ao invés do sistema centímetro-grama-segundo, que, por sua vez, teve algumas variações.[6] Visto que o SI não é estático, as unidades são criadas e as definições são modificadas por meio de acordos internacionais entre as muitas nações conforme a tecnologia de medição avança e a precisão das medições aumenta.

O sistema tem sido quase universalmente adotado. As três principais exceções são a Myanmar, a Libéria e os Estados Unidos. O Reino Unido adotou oficialmente o Sistema Internacional de Unidades, mas não com a intenção de substituir totalmente as medidas habituais.

Considera-se que a primeira ideia de um sistema métrico seja do filósofo John Wilkins, primeiro secretário da Royal Society de Londres em 1668.[7][8] Porém não teve sucesso,[7][8] sendo na França onde o sistema unificado realmente saiu do papel.[7][8] Em 1875, o tratado internacional Convenção do Metro (do francês Convention du Mètre) foi assinado por vários países, para estabelecer organizações responsáveis por um sistema uniforme de medidas.[7][8] Que em 1889, definiram os protótipos internacionais de metro e quilograma na Primeira Conferência Geral de Pesos e Medidas.

Existem grandezas que não apresentam unidades de medida, resultados da divisão entre grandezas iguais.[6] Existem outras não derivadas das básicas, como por exemplo o número de moléculas de uma substância determinadas por contagem.[6]

Oops something went wrong: