Tela

superfície para pintura / De Wikipedia, a enciclopédia livre

Uma tela é uma superfície esticada, feita com tecido, utilizada para cobrir um vão ou projetar uma imagem sem impedir a passagem de luz.[1] O termo "tela", mesmo no sentido de "suporte de uma imagem", pode se referir a diferentes objetos.

Detalhe de tela feita de lona

Artistas geralmente usam pedaços pequenos (ou por vezes bem grandes) de lona como base para seus trabalhos de arte. Essa tela é esticada numa armação de madeira denominada "tensor" e é coberta com gesso, antes de ser usada (embora alguns artistas modernos, como o pintor Francis Bacon e Helen Frankenthaler pintem sobre a tela nua). As telas antigas eram feitas de linho, um tecido rijo, acastanhado, de considerável resistência. No início do século XX, o algodão começou a ser usado. O algodão, que estica mais e possui uma trama mecânica lisa, é menos preferido do que o linho por artistas profissionais. Todavia, a considerável diferença de preço incentiva muitos iniciantes, e mesmo artistas de nível médio, a escolher o algodão em vez do linho.

Podem-se comprar pequenas telas preparadas que são coladas a um fundo de papelão e revestidas já na fábrica. Todavia, essas telas só estão disponíveis em alguns tamanhos e não estão livres de acidez, de modo que sua vida útil é extremamente limitada. São geralmente utilizadas para esboços rápidos em estúdio. Telas pré-gessadas em tensores também estão disponíveis. Artistas profissionais geralmente preparam as suas telas da maneira tradicional.

Para remover os vincos do material, recomenda-se usar um ferro de passar morno (não quente) e umedecer a tela antes de realizar o procedimento.

Em serigrafia, uma tela de monofilamentos de poliester ou poliamida é utilizada para compor, em negativo, a imagem que receberá a pasta que será transposta para o tecido.