Barry Sharpless

químico estadunidense, duas vezes laureado com o Nobel / De Wikipedia, a enciclopédia livre

Karl Barry Sharpless (Filadélfia, 28 de abril de 1941) é um químico estadunidense. Doutorou-se em química em 1968 na Universidade Stanford. Desde 1990 é professor de química no Scripps Research Institute de La Jolla (Estados Unidos).

Quick facts: Barry Sharpless , Página oficial...
Barry Sharpless Medalha Nobel
Barry_Sharpless_02.jpg
Barry Sharpless
Nascimento 28 de abril de 1941 (82 anos)
Filadélfia
Residência Filadélfia, San Diego, Massachusetts
Nacionalidade estadunidense
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Faculdade de Dartmouth, Universidade Stanford, Universidade Harvard
Ocupação químico, professor universitário
Prêmios Medalha e Dissertação Prelog (1988), Prêmio Remsen (1989), Prêmio Arthur C. Cope (1992), Prêmio em Ciências Químicas NAS (2000), Prêmio Wolf de Química (2001), Nobel_prize_medal.svg Nobel de Química (2001), Medalha Benjamin Franklin (2001), Nobel_prize_medal.svg Nobel de Química (2022)
Empregador(a) Instituto de Tecnologia de Massachusetts, Scripps Research, Universidade Stanford
Instituições Instituto de Tecnologia de Massachusetts, Scripps Research Institute
Campo(s) química
Página oficial
http://www.scripps.edu/chem/sharpless/cv.html
Close

Recebeu o Nobel de Química de 2001, por catalisar moléculas quirais por oxidação. O prêmio foi compartilhado com William Standish Knowles e Ryoji Noyori pelo mesmo êxito, entretanto obtido por hidrogenação.[1] Ele também foi laureado com o Nobel de Química de 2022, juntamente com Carolyn Bertozzi e Morten Meldal, "pelo desenvolvimento da química do clique e da química bioortogonal".[2]

Com o Nobel recebido em 2022, entrou na seleta lista de cinco indivíduos laureados com o Nobel por duas vezes.[3]

Oops something went wrong: