Glam rock

Gênero musical do rock / De Wikipedia, a enciclopédia livre

Glam rock (abreviação de glamour rock) é um subgênero do rock que se desenvolveu no Reino Unido no início da década de 1970, apresentado por músicos que usavam fantasias, maquiagem e penteados extravagantes.[1] Estes artistas baseavam-se em diversas referências na música, desde bubblegum e rockabilly até música de cabaré, ficção científica e art rock.[2][3] As roupas e os estilos visuais eram muitas vezes exagerados (camp) ou andróginos.[4] O glitter rock foi uma versão acentuada do glam.[5]

Quick facts: Glam Rock, Gêneros de fusão, Outros tópicos...
Glam Rock
Origens estilísticas
Contexto cultural Início da década de 1970, Reino Unido
Formas derivadas Punk rock   rock gótico   synth-pop   pós-punk   britpop   new wave   disco
Gêneros de fusão
Glam metal   glam punk
Outros tópicos
Maquiagem   arena rock
Close

As cidades britânicas foram recheadas de música glam entre os anos de 1971 a 1975.[6] A aparição de Marc Bolan no programa Top of the Pops, usando glíter e cetins, é frequentemente citada como o início do movimento. Outros artistas na cena britânica incluíram David Bowie, Mott the Hoople, Sweet, Slade, Mud, Roxy Music e Gary Glitter. Aqueles que não aderiram principalmente ao gênero, como Elton John, Rod Stewart e Freddie Mercury, também adotaram estilos glamorosos.[7]

A cena glam estadunidense foi muito menos chamativa, com Alice Cooper e Lou Reed sendo os únicos artistas norte-americanos a fazer sucesso no Reino Unido.[6] A cena estadunidense incluem bandas como New York Dolls e Sparks, e artistas como Suzi Quatro e Iggy Pop. O gênero, porém, declinou após meados da década, influenciando outros depois, como punk rock, glam metal, New Romantic, death rock e rock gótico.