cover image

Google LLC[6] (pronúncia em inglês: [ˈguːgɫ̩])[7][8] é uma empresa multinacional de serviços online e software dos Estados Unidos. O Google hospeda e desenvolve uma série de serviços e produtos baseados na internet e gera lucro principalmente através da publicidade pelo AdWords.[9][10] A Google é a principal subsidiária da Alphabet Inc.[11]

Quick facts: Google...
Google
Google
Logotipo desde 2015
Google
Aerofotografia do Googleplex, a sede da empresa.
Razão social Google LLC
Subsidiária
Atividade Internet
Programas de computador
Equipamentos de telecomunicações
Fundação 4 de setembro de 1998 (24 anos)
Menlo Park, Califórnia, Estados Unidos
Fundador(es) Larry Page e Sergey Brin
Sede Googleplex
Mountain View, Califórnia, Estados Unidos
Área(s) servida(s) Mundo
Proprietário(s) Alphabet Inc.
Pessoas-chave Sundar Pichai (CEO e Chairman)
Sergey Brin (diretor do Google X e Projetos Especiais)
Ruth Porat (CFO)[1]
Empregados 85 050 (2018)[2]
Produtos Lista de ferramentas e serviços do Google
Empresa-mãe Alphabet Inc.
Subsidiárias AdMob, DoubleClick, On2 Technologies, Picnik, YouTube, Zagat, Waze, Blogger, SlickLogin, Boston Dynamics, Bump, Nest Labs, DeepMind Technologies, WIMM One, VirusTotal
Valor de mercado US$ 251,7 bilhões (2022)[3]
Lucro US$ 14,9 bilhões (2013)[4]
LAJIR US$ 10.381 bilhões (2010)[4]
Faturamento US$ 29.321 bilhões (2010)[4]
Renda líquida US$ 46.241 bilhões (2010)[4]
Posição no Alexa 1.º (09 de Setembro de 2018)[5]
Website oficial google.com
Close

A empresa foi fundada por Larry Page e Sergey Brin, muitas vezes apelidados de "Google Guys",[12][13][14] enquanto os dois estavam frequentando a Universidade Stanford como estudantes de doutoramento. Foi fundada como uma empresa privada em 4 de setembro de 1998 e sua oferta pública inicial foi realizada em 19 de agosto de 2004. A missão declarada da empresa desde o início foi "organizar a informação mundial e torná-la universalmente acessível e útil"[15] e seu slogan oficial era "Não seja mal". Em outubro de 2015, o lema foi substituído no código de conduta corporativo da Alphabet pela frase "Faça a coisa certa".[16] Em 2006, a empresa mudou-se para sua atual sede, em Mountain View, Condado de Santa Clara no estado da Califórnia. O Google é executado através de mais de um milhão de servidores em data centers ao redor do mundo[17] e processa mais de cinco bilhões de solicitações de pesquisa[18] e vinte petabytes de dados gerados por usuários todos os dias.[19][20][21][22]

O rápido crescimento do Google desde sua incorporação culminou em uma cadeia de outros produtos, aquisições e parcerias que vão além do núcleo inicial como motor de buscas. A empresa oferece softwares de produtividade online, como o software de e-mail Gmail, e ferramentas de redes sociais, incluindo o fracassado Google+ e os descontinuados Google Buzz e Orkut. Os produtos do Google se estendem à área de trabalho, com aplicativos como o navegador Google Chrome, o programa de organização de edição de fotografias Picasa e o aplicativo de mensagens instantâneas Google Talk. Notavelmente, o Google também lidera o desenvolvimento do sistema operacional móvel para smartphones Android, usado em celulares de marcas como Samsung, Motorola, LG, HTC, Huawei e Xiaomi.

O Alexa classifica o Google como o website mais visitado do mundo.[23] A Google é classificada pela revista Fortune como o melhor lugar do mundo para se trabalhar. Aparece na posição pelo sexto ano consecutivo[24][25] e é a marca mais valiosa do mundo de acordo com o ranking BrandZ de 2017, avaliada em 245 bilhões de dólares.[26] Em outro ranking de avaliação de marcas, ultrapassou em 2014 a Apple, que liderava por três anos consecutivos, com um valor estimado de US$ 159 bilhões.[27] A posição dominante no mercado dos serviços do Google levou a críticas da sociedade sobre assuntos como privacidade, direitos autorais e censura.[28][29] O Google apareceu mais de uma vez no topo da lista da ZeniphOptimedia como o maior conglomerado de mídia do mundo.[30][31]